Mulher do Secretário de Finanças de Guarabira é sócia da Wanderley Diagnósticos, que já recebeu mais de 1 milhão da Prefeitura, segundo denúncia

Segundo denúncia apresentada ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), a empresa Wanderley Diagnóstico estaria sendo beneficiada pelo Secretário de Finanças de Guarabira Cláudio César Silvar de Melo, isso porque a esposa do secretário, Danielle Simões Campos de Melo, faz parte do quadro de sócio da Wanderley Diagnósticos e, desde 2017, ano em que a empresa foi inaugurada em Guarabira, tem ganhado processos de licitações da Prefeitura Municipal.

No documento enviado ao Tribunal de Contas, é informado que a empresa Wanderley Diagnósticos começou as atividades no ano de 2013, porém somente em 2017 ela passou a atuar em Guarabira.

A denúncia chama atenção para o fato de que, coincidentemente, a nomeação de Cláudio Cézar Silva de Melo para a secretaria de Finanças ocorreu no mesmo período da chegada da empresa Wanderley Diagnósticos, ou seja, em 2017. Outro fato evidenciado é que, segundo consta na denúncia, o terreno em que é localizado a referida empresa pertence ao próprio Cláudio César, esposo de Danielle Simões, que é sócia do empreendimento. O autor dos fatos juntou cópia de uma escritura pública, constando o nome de Cláudio César, a quem atribui o local da instalação da empresa ser a mesma que é informado no documento.

As informações prestadas ao Tribunal de Contas alegam que desde 2017 a empresa já ganhou mais de 1 milhão em licitações da Prefeitura Municipal de Guarabira. O Outra Fonte conferiu os dados no site do TCE e da Transparência do Município e, realmente, há vários processos vencedores por parte da empresa.

No primeiro ano de sua instalação, a Wanderley Diagnósticos recebeu da Prefeitura de Guarabira o valor de R$ 1.020,00, no entanto este valor saltou para R$ 1.066,212,00 no ano seguinte. De pouco mais de 1 mil reais, a Wanderley Diagnósticos recebeu, em 2018, R$ 1.066.212,00 (um milhão sessenta e seis mil e duzentos e doze reais). Ou seja, houve um aumento de 104.530% em relação ao ano anterior.

Em 2019, a empresa recebeu dos cofres públicos de Guarabira a quantia de R$ 984.119,00, valor um pouco abaixo do que recebido em 2018. Neste ano de 2020, até o momento a Prefeitura de Guarabira já pagou cerca de R$ 160.418,00 à Wanderley Diagnósticos, conforme consta no Sagres.

Outro ponto levantado pela denúncia é que a esposa do secretário de Finanças, além de sócia da empresa e médica do qual administra, também ocupa cargo público na Prefeitura de Guarabira pelo menos desde 2013, segundo apurado pelo Outra Fonte.

“Veja que o Secretário é o dono do terreno, a esposa faz parte do corpo societário da empresa Wanderley, bem como integra o quadro de médicos de atendimentos (clínica geral e radiologista), e que são parceiros comerciais da Prefeitura, onde os pagamentos são autorizados pelo Secretário, ou seja, pago a Ele mesmo”, diz trecho da denúncia, que pede a investigação dos fatos, alegando existir “indícios fortes da prática de crimes e atos de improbidade administrativa praticados pelo Secretário”.

Compartilhe

Leave a Comment

error: Este conteúdo está protegido!